Seminário discute segurança e saúde dos trabalhadores em cooperativas no Paraná, em Ponta Grossa.

Foi realizada a cidade de Ponta Grossa no último dia 04 de maio, a terceira etapa do Seminário de Saúde e Segurança dos trabalhadores em Cooperativas do estado do Paraná. Esse evento é promovido pela Fetracoop – Federação dos Trabalhadores em Cooperativas no Estado do Paraná, pela Fecoopar – Federação das cooperativas no estado do Paraná, pelos Sincoopares Sudoeste e Centro Sul – Sindicato das Cooperativas da região Sul e Sudeste do Paraná, com apoio do governo do Estado do Paraná, através das secretárias de estado da Saúde e do Trabalho, do governo Federal através da Fundacentro e demais parceiros como UGT- PR.

Um dos anfitriões do evento presidente do Sintracoosul, Joel Martins Ribeiro, destacou a participação das cooperativas e de todos os atores envolvidos, onde se busca uma alternativa onde todos podem participar independente do tamanho da contribuição “O ponta pé inicial já foi dado, agora vamos buscar colocar em pratica todas as experiências apresentadas e ainda outras que podem vir a somar a estas, vamos mudar a realidade de hoje e convocar pra desde já iniciarmos ações concretas e direcionadas”. Disse ele. (Foto acima)

Com objetivo singular de que a questão a ser debatida é de responsabilidade de todos, estiveram reunidos representantes dos trabalhadores, patronais e governo alem do ministério do trabalho, “em nosso estado temos altos índices de acidentes de trabalho e afastamentos por conseqüência doenças ocupacionais, por isso a iniciativa desta ação tripartite, acreditamos que juntos podemos discutir ações e projetos concretos para a redução até 2015 de mais de 80% em relação à 2011 o numero de acidentes, isso trara qualidade de vida e melhora no ambiente de trabalho aos nossos trabalhadores, propulsores do desenvolvimento deste estado.” Disse Clair Spanhol presidente da FETRACOOP. (foto acima)

Os diretores do SINTRACOOSUL se fizeram presentes ao seminário, Marcos Eloi Machado (esq foto), João Maria Alves (dir foto) e Rogério Kormann Junior, presidente SECOOMED (centro foto).