Cachoeira e ex-diretor da Delta são presos e seguem para o Rio

A Polícia Federal já deixou o condomínio de luxo Alphaville Cruzeiro do Sul e seguiu direto para o Aeroporto Santa Genoveva, em Goiânia. Nos dois carros, os policiais levaram o bicheiro Carlinhos Cachoeira e o ex-diretor da Delta Construções Cláudio Abreu. Os mandados de prisão foram cumpridos em menos de uma hora. Segundo os policiais federais, eles irão ao Rio em voo comercial.

O Ministério Público Federal (MPF) e a Polícia Federal (PF) deflagraram na manhã desta quinta-feira "Operação Saqueador" para cumprir cinco mandados de prisão em São Paulo, Rio e Goiás. Entre os alvos, além de Cachoeira e Abreu, estão o ex-presidente da empreiteira Delta Construções Fernando Cavendish e o empresário Adir Assad, que já foi condenado na Operação Lava-Jato. No Rio, a polícia não encontrou Cavendish, e ainda espera um contato da defesa antes de considerá-lo foragido. Há, porém, um registro de saída do país do empresário para a Europa no dia 22 de junho, e segundo o delegado Tácio Muzzi, ele pode constar na lista da Interpol nas próximas horas. Os policiais chegaram a levar um cofre da casa do empreiteiro da Delta.

Em São Paulo, Adir Assad também foi preso. A defesa de outro alvo da operação, Marcelo Abbud, já entrou em contato com as autoridades e informou que seu cliente irá se apresentar ainda hoje.

 Fonte: O Globo