Casa Civil leva a Temer nesta quinta proposta de reforma da Previdência

O ministro-chefe da Casa Civil, Eliseu Padilha, afirmou que o grupo de trabalho criado para elaborar uma proposta de reforma da Previdência vai apresentar o texto ao presidente da República, Michel Temer, nesta quinta-feira (6).

Padilha falou sobre o assunto após participar de uma cerimônia na Câmara dos Deputados em homenagem ao político Ulysses Guimarães, que completaria 100 anos nesta quinta.

“Hoje à tarde, pelo menos, está programado de um grupo de trabalho passar a ele o que é a proposta da reforma da Previdência. Por certo, ele [Temer] terá um olho crítico e terá alguma coisa que ele vai querer fazer para que sua marca pessoal fique”, disse o ministro.

Temer deve começar a receber centrais sindicais para discutir o projeto a partir da semana que vem. Segundo o deputado federal Paulo Pereira da Silva (SD-SP), já há uma reunião marcada para terça (11).

O presidente deve, então, conversar com confederações de empregadores e parlamentares, informou Padilha.

O chefe da Casa Civil falou que a expectativa do governo é de que a proposta seja enviada ao Congresso até a conclusão da votação da PEC do Teto dos Gastos Públicos na Câmara dos Deputados. ,

A votação em primeiro turno da PEC está prevista para a próxima segunda (10).

Padilha defendeu novamente que a mudança "não é para tirar os direitos de ninguém", mas para colocar o Brasil no mesmo caminho dos sistemas previdenciários sustentáveis já existentes em outros países